A vermifugação do seu pet está em dia? Não negligencie!

Infelizmente, a vermifugação é muitas vezes negligenciada pelos tutores, mesmo sendo um cuidado básico com a saúde dos bichanos. Eles podem se contaminar pela água, alimento, contato com outros animais e pelos passeios de rotina.   

Muitos acreditam que, porque o pet sai pouco de casa, não há necessidade  de se usar vermífugo, e não percebem os riscos ao animal, já que é um problema silencioso. Mas, achar que a vermifugação é desnecessária é um erro muito grande.  

A verminose pode trazer vários problemas, como desnutrição, anemia, diarréias, podendo, inclusive, causar óbitos. Por isso, é importante dar a mesma atenção que temos na vacinação, seguindo os protocolos estabelecidos pelo médico veterinário.

Segundo o site “Arca Brasil” o exame é fundamental para que o veterinário faça um check-up no animal e diagnostique uma possível verminose. Quando a doença está no início, muitos animais não apresentam sintomas, por isso  a orientação de um profissional é essencial. O diagnóstico é feito após exame de fezes.